scroll

O Brasil estará representando na nova edição do as “Pioneiras em Tecnologia”, programa do Fórum Econômico Mundial. A edtech Slang, plataforma online de ensino de inglês especializada em conteúdos profissionais e técnicos, foi selecionada para participar da iniciaitiva.

O programa reúne empresas de todo o mundo em Early Stage (estágio inicial) e Growth (estágio de crescimento) que estão envolvidas no uso de novas tecnologias e inovações destinadas a ter um impacto significativo social e no mundo corporativo.

É uma honra fazer parte do programa de Pioneiros em Tecnologia e ver a Slang ser reconhecida por levar o ensino de idiomas para um outro patamar, indo além da aprendizagem básica e padrão em que todos estudam mais do mesmo. Estamos comprometidos em transformar essa indústria cobrindo todos os pontos que envolvem a língua inglesa, incluindo todos os tópicos profissionais, com uma experiência personalizada para cada função e setor que se pode imaginar”, comenta o CEO da Slang, Diego Villegas.

Ele irá participar de discussões e eventos no Fórum Econômico Mundial e também estará focado em contribuir para as iniciativas nos próximos dois anos, trabalhando com líderes globais em questões-chave para indústria e sociedade.

A startup possui uma tecnologia modular que permite criar planos de estudos dinâmicos e otimizados, de acordo com a necessidade de cada usuário, departamento ou instituição, garantindo uma experiência hiperpersonalizada. Em 2021, a edtech recebeu uma rodada Série A de US$14 milhões, liderada pela DILA Capital e Acumen Latam Impact Ventures (ALIVE).

O Fórum Econômico Mundial é um órgão comprometido  com a melhoria do estado atual do mundo. É a Organização Internacional para Cooperação Público-Privada. O Fórum engloba os principais líderes políticos, empresariais e outros nomes da sociedade para moldar agendas globais, regionais e da indústria.