scroll

Levar soluções de delivery para o interior do Brasil por meio do empreendedorismo. É com esse posicionamento no mercado que a Delivery Much já chegou à marca de mais de 17 mil lojistas, entre restaurantes, farmácias, pet shops e empresas de água e gás, e mais de 3 milhões de usuários em sua plataforma. Mais do que isso, a foodtech está próxima de alcançar 300 cidades atendidas, e distribuídas em 20 estados do País.

Queremos ajudar a democratizar o acesso ao serviço de entregas no Brasil”, afirma o fundador e CEO da startup, Pedro Judacheski.

O grande diferencial da empresa, explica, é a capacidade de entregar uma marca consolidada e dar todo o suporte para que os franqueados empreendam em suas regiões, expandam seus negócios e façam a economia local girar.

A ideia é ajudar os pequenos negócios a se digitalizarem, se aproximando dos lojistas e fortalecendo o setor. De acordo com dados da empresa, 84% do mercado de entregas no País ainda não foi explorado, e em cidades com até 300 mil habitantes, esse número sobe para 92%. Para Judacheski, em um setor aquecido como este, principalmente na pandemia, quando as soluções de delivery acabaram sendo uma das principais apostas, a concorrência é natural e pode gerar oportunidades.

Ainda é pouco habitual pedir delivery no café da manhã ou no meio da tarde. Menos ainda, fazer farmácia ou pedir a ração do cachorro pelo app”, exemplifica. Temos certeza que isso vai acontecer (e já está acontecendo), pois estamos passando por uma transformação cultural e as pessoas pedem por conveniência, complementa.

Foi por apostar na democratização do acesso ao serviço de entregas que a Delivery Much conseguiu alguns importantes reconhecimentos nos últimos anos, como o de estar lista de startups de maior destaque para 2021, feita pelo Instituto Caldeira e o Sebrae RS. Divulgado no início do ano, o levantamento apontava aquelas empresas que prometiam fazer a diferença neste ano de retomada e teve no aplicativo de delivery um dos representantes das foodtechs.

Ficamos muito felizes pelo reconhecimento, ele valida que estamos no caminho certo. Diariamente, estamos criando oportunidades para empreendedores do Brasil inteiro e conectando-os a clientes potenciais que já usam nossa plataforma. Eu costumo falar que é só o começo. Ainda temos muito por fazer e conquistar, acrescenta.

Recentemente, a Delivery Much ficou em primeiro lugar entre os aplicativos de refeição com o melhor custo-benefício percebido pelos clientes, segundo o estudo Delivery, Refeições e Produtos, da CVA Solutions. A empresa também aparece na quarta posição no quesito Força de Marca, sendo um dos aplicativos mais usados pelos consumidores na hora de pedir comida. A pesquisa foi realizada entre junho e julho de 2021 e ouviu 3,2 mil pessoas de 13 grandes cidades e outros municípios menores do Brasil, para entender o comportamento e hábitos dos clientes de delivery.

Diante do cenário do delivery no Brasil, em que muitas cidades, principalmente do interior, sequer possuem uma opção para pedidos online, a expectativa da empresa é positiva para os próximos anos. “O consumidor quer soluções, independentemente de onde ele esteja, no interior ou em uma grande capital”, completa.

Investimento para seguir expandindo

Criado em outubro de 2011 no município Santa Maria (RS) por Fernando Giareta e Guilherme Kruel e Pedro Judacheski, o projeto da empresa foi incubado no Parque Tecnológico da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) e, nos primeiros anos de operação, concentrou a sua atuação apenas na cidade. Foi só a partir de 2015 que a startup iniciou a expansão por meio do modelo de franquias, sendo, na época, uma das únicas 100% digitais do Brasil.

O pioneirismo garantiu a confiança necessária para que, hoje, a Delivery Much consiga fazer investimentos em tecnologia e aperfeiçoar ainda mais o seu produto. Este ano, por exemplo, o grupo recebeu um segundo aporte minoritário da fintech brasileira Stone, que já havia contribuído com a empresa no ano passado.

A ideia agora é expandir os negócios por meio de novas franquias e também de operações próprias. “Contamos com um time muito forte. Confiamos nas pessoas que estão aqui”, completa o CEO.

Raio-x

Nome da startup: Delivery Much

Nome dos sócios: Pedro Judacheski, Fernando Giareta e Guilherme Kruel

Segmento: Delivery

Número de colaboradores: 322 pessoas

Investimento já recebido: Dois aportes da Novità, em 2017 e 2018, e dois aportes minoritários da Stone, em 2020 e em 2021

Principal produto: Marketplace de delivery com solução completa (full service) para restaurantes, farmácias, supermercados, pet shops, entre outras verticais