scroll

O Banrisul está com inscrições abertas para o seu programa de aceleração, que é gratuito, e conta com a assessoria técnica do Parque Científico e Tecnológico (Tecnopuc) da Pucrs. O objetivo é ajudar a transformar o setor financeiro por meio da conexão com startups. 

As inscrições devem ser realizadas exclusivamente no site, até o dia ‪13 de março de 2021. Serão selecionadas até 30 startups.

O edital do Programa de Aceleração de Startups BanriTech é uma das iniciativas do BanriHub, projeto de inovação do Banrisul. “É uma grande empresa abrindo as portas para a inovação aberta. Temos uma responsabilidade com o desenvolvimento da sociedade e do Rio Grande do Sul e queremos ajudar a fomentar a inovação local”, destaca a gerente executiva da Universidade Corporativa do Banrisul, Bruna Travi.

Poderão participar empresas de todo o País que tenham propostas inovadoras em produtos ou serviços, com potencial de escala, nas seguintes verticais: agronegócios, serviços financeiros, relacionamento com clientes e empresas, eficiência operacional, segurança da informação e governos.

O edital não tem aporte financeiro direto na startup, mas existe a possibilidade disso vir a ser feito com os recursos do fundo de coinvestimento Anjo, do BNDES, já foi aprovado pela instituição financeira.

Bruna comenta que o grande diferencial deste edital é a mentoria que será oferecida. “Os empreendedores terão acesso ao expertise dos profissionais do banco que, há muitos anos, atuam fortemente com inovação. Ao mesmo tempo, o Banrisul se abre para conhecer novas possibilidades. Temos muitos talentos internos, mas queremos cada vez receber mais novas ideias”, observa.

Poderão participar do processo de seleção empresas estabelecidas (com registro CNPJ), que desenvolvam soluções inovadoras em produtos ou serviços com potencial de escala, validadas ou não pelo mercado.

Os projetos que estiverem plenamente alinhados ao programa serão submetidos a uma etapa de Pitch (apresentação do negócio), na qual um comitê técnico irá selecionar as startups.

Para o gerente executivo de Transformação Digital do Banrisul, Alexsandro Filippetto, a aceleração será uma oportunidade para o banco compartilhar conhecimentos com essas empresas, gerando resultados positivos para todos. “Queremos ajudar a alavancar os negócios das startups por meio de mentorias realizadas pela instituição e pela Pucrs”, reforça.

O regulamento e o edital do programa BanriTech podem ser acessados no link ‪www.banrisul.com.br/banritech. A relação dos projetos escolhidos será divulgada no dia ‪29 de março.

O ciclo de aceleração terá duração de oito meses. Os empreendedores contarão com o apoio de uma rede de mentores composta por especialistas e executivos do Banrisul e do Tecnopuc.

A etapa inicial envolve a realização de um diagnóstico da startup, a fim de traçar um plano individualizado, baseado em necessidades e fraquezas identificadas, com o propósito de acelerar o desenvolvimento do projeto e atender às demandas do mercado.

Durante o período, também serão promovidos eventos, palestras e workshops, agregando diferentes atores da comunidade empreendedora para discutir assuntos diversos e novas tecnologias O foco é em criar soluções para ajudar a transformar o setor financeiro por meio da inovação.

Para o presidente do Banrisul, Cláudio Coutinho, a criação desse ambiente proporciona o avanço da instituição em várias frentes de atuação no cenário financeiro. “O intuito é inspirar profissionais com uma metodologia ágil e foco na jornada do cliente. Queremos propiciar conexões com parques tecnológicos e potenciais investidores”, afirma.

O que é o BanriHub

O BanriHub é programa de inovação do Banrisul, lançado em outubro de 2020 e ancorado em quatro pilares de inovação:

Hub.Space – espaço colaborativo que vai funcionar no Museu de Comunicação Hipólito José da Costa, no Centro Histórico de Porto Alegre, em formato de coworking, abrigando as startups selecionadas. A inauguração está prevista para março.

Hub.Startup – promoverá a inovação entre startups, aceleradoras, universidades, centros de pesquisa e parceiros.

Hub.Venture – vai estimular ações por meio de fundos de investimento ou mentorias. Um aporte de até R$ 20 milhões no fundo de coinvestimento Anjo, do BNDES, já foi aprovado pela instituição financeira.

Hub.Education – contará com ações voltadas à inovação, capacitação, qualificação de processos, produtos e serviços para a geração de novos negócios, que agreguem valor ao ecossistema do empreendedorismo. Também auxiliará na conexão de mentores internos do Banrisul com as empresas incubadas, incentivando a inovação interna e, em contrapartida, compartilhando conhecimento sobre áreas temáticas com startups.